Notícias

AVISO AOS ACIONISTAS

GRUPAMENTO DE AÇÕES

Rio de Janeiro, 29 de abril de 2016 - A Petro Rio S.A. ("Companhia" ou "PetroRio") (BM&FBOVESPA: PRIO3, TSX-V: PRJ) informa que em Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária ("AGOE") realizada hoje, dia 29 de abril de 2016, foi aprovado, nos termos do artigo 12 da Lei 6.404/76, o grupamento de ações ordinárias e de Global Depositary Shares ("GDSs") da PetroRio, cujas características estão descritas a seguir:

 Grupamento de Ações

O grupamento de ações ordinárias da PetroRio compreenderá a totalidade de ações ordinárias e GDSs emitidas pela Companhia à razão de 5 (cinco) ações ordinárias para 1 (uma) ação ordinária e razão de 5 (cinco) GDSs para 1 (uma) GDS, estando mantida a razão de 2 (duas) GDSs para cada ação ordinária. Com exceção da alteração da quantidade de ações ordinárias e GDSs de emissão da Companhia, a aprovação do grupamento não resultará na modificação do montante total do capital social ou nos direitos conferidos aos titulares destes valores mobiliários.

Prazo para Ajuste das Posições pelos Acionistas

Os titulares de ações ordinárias de emissão da Companhia terão prazo de 39 (trinta e nove) dias contados da data de publicação deste Aviso aos Acionistas, ou seja, até 10 de junho de 2016, para que os titulares de ações ordinárias de emissão da Companhia possam, ao seu livre e exclusivo critério, ajustar suas posições acionárias, por espécie, em lotes múltiplos de 5 (cinco) ações, mediante negociações na BM&FBOVESPA S.A. - Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros ("BM&FBOVESPA"), de forma a permanecerem integrando o quadro acionário da Companhia com, no mínimo, uma ação após a efetivação do grupamento. A validade dos bloqueios em circulação coincide com o prazo limite de ajuste das posições, ou seja, 10 de junho de 2016.

Compra e Venda de Ações

Os acionistas poderão efetuar as transações de compra e venda de ações ordinárias de emissão da Companhia, para ajuste de suas posições, por meio das sociedades corretoras autorizadas a operar na BM&FBOVESPA.

Cotação Unitária

Transcorrido o prazo estabelecido para o ajuste das posições por parte dos acionistas da Companhia, ou seja, a partir de 13 de junho de 2016, as ações ordinárias representativas do capital social da Companhia passarão a ser negociadas exclusivamente grupadas na proporção resultante do grupamento das ações da Companhia.

Venda de Frações de Ações

Após o decurso do prazo para ajuste das posições pelos acionistas da Companhia, as eventuais frações de ações resultantes do grupamento serão separadas, agrupadas em números inteiros, e vendidas em leilão a ser realizado na BM&FBOVESPA, sendo os valores resultantes da alienação disponibilizados em nome do respectivo acionista detentor de frações, após a liquidação financeira da venda, da seguinte forma: (a) os valores correspondentes às ações que se encontram no ambiente escritural (fora de bolsa) serão creditados conforme a Opção de Recebimento apresentada pelo acionista ao Banco do Brasil S.A.. Caso o acionista não tenha apresentado a referida Opção de Recebimento, os valores podem ser retirados diretamente em uma agência do Banco do Brasil S.A.; (b) o valor correspondente às ações depositadas na Central Depositária de Ativos da BM&FBOVESPA lhe será creditado diretamente, e a Central Depositária da BM&FBOVESPA se encarregará de repassá-lo aos respectivos acionistas através dos Agentes de Custódia; e (c) para os acionistas cujas ações se encontram bloqueadas ou com o cadastro desatualizado, o valor será retido pela Companhia e mantido à disposição do respectivo acionista para pagamento, exclusivamente mediante apresentação de documentação comprobatória de desbloqueio ou de identificação, conforme o caso. A data do leilão das frações de ações e a data em que os recursos resultantes do leilão serão disponibilizados aos acionistas serão comunicadas após o decurso do prazo para ajuste das posições acionárias, através de Aviso aos Acionistas a ser oportunamente divulgado.

Informação aos Titulares de GDSs

As ações ordinárias de emissão da Companhia que compõem os GDSs, registradas no Canadá e negociadas na Toronto Stock Exchange - Venture ("TSX-V") também serão objeto do grupamento de ações, obedecendo à mesma proporção estipulada para o grupamento das ações no Brasil, de forma que os GDSs continuarão sendo negociados na proporção de 2 (duas) GDSs para cada ação ordinária.

O grupamento de ações está sujeito ao atendimento das exigências regulatórias aplicáveis no Brasil e no Canadá.

A Ata da Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária está disponível nos websites da Comissão de Valores Mobiliários - CVM (www.cvm.gov.br), da BM&FBOVESPA S.A. - Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros (www.bmfbovespa.com.br) e da própria Companhia (www.petroriosa.com.br).